OAB/RS 1.935

Dorfmann & Bianchi

NOTÍCIAS

8 de novembro de 2019

Como fazer um testamento?


O testamento é um documento que transfere os bens e o patrimônio de uma pessoa para outra(s) após o seu falecimento. Por essa razão, pode ser compreendido como um instrumento de planejamento sucessório, capaz de facilitar o processo de partilha e sucessão de bens. No artigo de hoje, vamos esclarecer as etapas que norteiam a elaboração deste documento. Confira! 

1 – Organize os bens que serão partilhados  

Para quem deseja fazer o testamento, o primeiro passo é organizar uma lista com todos os bens que serão partilhados e reunir seus respectivos documentos. Desta forma, você facilita todo o processo de elaboração, bem como a execução do seu testamento. 

2 – Defina quem será beneficiado  

É importante estar ciente quanto às pessoas que você deseja incluir no seu testamento para garantir que ninguém fique de fora da partilha. Outro aspecto importante é atualizar essa lista com o passar dos anos, tendo em vista que pode ser necessária a exclusão ou inclusão de beneficiários.  

3 – Seja claro ao descrever suas vontades 

Quando o testador possui filhos ou pessoas incapacitadas sob sua responsabilidade, é importante externar essa situação no testamento, indicando quem será o responsável por executar esse papel na sua ausência. Da mesma forma, se você possui algum bem que deseja destinar somente a um ente, seja claro ao detalhar a forma para a realização da partilha.  

4 – Escolha um administrador de confiança  

Este talvez seja o passo mais importante durante a elaboração do testamento, principalmente se você fizer um testamento particular. Por isso, tenha cuidado ao definir quem será o responsável por guardar o seu testamento e garantir que a sua vontade seja respeitada no momento oportuno.  

5 – Consulte um advogado especializado em Direito Sucessório  

Com toda a certeza, fazer um testamento objetiva dar liberdade ao testador para definir o destino dos seus bens após a sua morte. E na maioria das vezes, quem faz um testamento deseja proteger a sua família e entes queridos, garantindo que estes sejam assegurados na sua ausência.  

No entanto, todas essas etapas podem se tornar complexas caso o testador não tenha a orientação adequada para a elaboração do testamento. Por isso, é importante contatar um profissional especializado e com experiência em Direito Sucessório, a fim de obter uma análise da situação de forma mais ampla e conduzir a elaboração dos documentos legais necessários de forma segura. 

O escritório Dorfmann e Bianchi possui experiência na área de Direito de Família e Sucessório, atuando para auxiliar o testador durante o processo de elaboração do documento, bem como para garantir que a sua vontade seja assistida após o seu falecimento. Para mais informações e esclarecimentos, entre em contato! 

Topo